JANEIRO BRANCO: Objetivo é conscientizar sobre saúde mental

As doenças mentais e neurológicas, entre as quais estão a ansiedade, a depressão e o mal de Alzheimer, que leva à perda de funções cognitivas, atingem cerca de 700 milhões de pessoas no mundo, segundo informações da Organização Mundial da Saúde (OMS). No Brasil, a estimativa é de que cerca de 1,2 milhão de pessoas, sobretudo idosas, sofram do mal crônico. Com o objetivo de chamar a atenção das pessoas para as questões relacionadas à Saúde Mental, acontece durante todo o mês de janeiro, a campanha Janeiro Branco.

Segundo Luciana Andreolli, psicóloga da Med Care, empresa especializada em cuidados domiciliares que visa promover a conscientização sobre o tema, os cuidados com a saúde mental devem se estender a todas as faixas etárias, mas na terceira idade, alguns transtornos são apresentados com maior frequência. “Transtornos depressivos, cognitivos e fobias ocorrem mais em idosos, que também apresentam maior risco de suicídio e de desenvolver sintomas psiquiátricos induzidos por medicamentos”, disse.

Para ela, cuidados com alimentação são fundamentais para garantir saúde mental. “Além disso, é importante praticar exercícios físicos regularmente, bem como realizar atividades específicas para a mente, como como jogos, palavras cruzadas, leitura de livros, ver filmes e aprender novas habilidades”, afirmou.

 

Categorias: Leia Também

Deixe uma réplica

Seu email não pode ser publicado.