“Habitar a Cidade” faz apresentação em Araguari! Com patrocínio de Boticário na Dança

  • LAKKA CHEGA EM ARAGUARI COM O PROJETO DE DANÇA HABITAR A CIDADE

     

    Do dia 22 ao dia 25 de agosto, a Cia Vanilton Lakka estará em Araguari, com o projeto “Habitar a Cidade com Mono-Blocos”, onde farão uma residência artística com os artistas da cidade e ao final desta semana intensa de aulas e treinamentos em dança, vão se apresentar publicamente na Praça Manoel Bonito.

    Esta é a mais nova proposta do artista mineiro Vanilton Lakka que já percorreu mais de 16 países com seus espetáculos e projetos artísticos. “Habitar a Cidade” conta com o patrocínio do Boticário na Dança, por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais, e prevê circulação por 6 cidades de Minas Gerais. “Qual qualidade de corpo resulta dessa interação?: Artista e Praça pública.” Este é um dos questionamentos de “Habitar a Cidade”.

    A Cia Lakka se instala na cidade e permanece em cada localidade por cinco dias em um sistema de “residência artística”, trabalhando exercícios, jogos e propostas artísticas em dança contemporânea, danças urbanas e performance. O conteúdo desta semana intensa de trabalho vem dos desdobramentos das experiências e questões trabalhadas por três anos no projeto anterior “Mono-Blocos: Ocupação, Interação e Ação na Praça” e propõe a realização de residência com 20 (vinte) artistas/interpretes de formações diversas como Teatro, Dança, Circo, Artes Marciais e Visuais. Ao fim da residência, interpretes da Cia, juntamente com os artistas selecionados nas cidades, realizam a performance aberto ao público.

    A obra resultante da “residência artística” é caracterizada pela elaboração e aplicação de movimentos básicos denominados princípios técnicos corporais. Estes são estratégias de quedas, rolamentos, apoios e usos do corpo na cidade que possuem afinidade com manifestações como Parkour, B.boying e Release Technic. Estes estão organizados em uma estrutura de jogos de fácil compreensão que dialogam com a ideia de estrutura intuitivas, e por isso, de rápida absolvição.

    Para Lakka “A ideia de “ocupação” é central na proposta, na medida em que se pretende ocupar as praças com o processo e o resultado, sendo assim, interessa mais o estado de ocupação do que necessariamente a divisão entre processo e resultado final”. As características da proposta colocam em questão a ideia de processo e produto através do confronto entre a primeira etapa (cidade habitada) e a segunda (apresentação das estruturas coreográficas Mono-Blocos).

     

     

     

     

     

     

     

     

    Serviço:

    Residência
    Quando: 22 a 24 de Agosto de 2017
    Disponibilidade: 20 vagas
    Inscrições: www.lakka.com.br
    Onde: Sede da CUFA Araguari – Centro Referência Negra – Rua Cel. José Ferreira Alves – 1098 – centro
    Horário/Quanto: 14h00 às 18h00 #Gratuito
    Duração: 12h

    Faixa Etária: Não recomendado a menores de 16 anos
    Público Alvo Residência: Praticantes de dança em geral, principalmente envolvidos com propostas vinculadas a Dança Contemporânea, atores e performers com formação em Artes Visuais e público em geral interessado nas informações propostas que vinculem o corpo a cena.

    Oficineiros: Vanilton Lakka, Claudio H. Oliveira, Lucas Dilan, Nádia Yoshi e Samuel Giacomelli
    Produção: Marcelo Santos / Vialakka

     

    Performance
    O quê: Mono-Blocos: Ocupação, Interação e Ação na Praça
    Quando: 25 de Agosto de 2017
    Onde: Praça Manoel Bonito, Centro, Araguari – MG
    Horário/Quanto: 10h00 #Gratuito
    Duração: 55 min.
    Faixa Etária: Livre
    Conceito: Vanilton Lakka e Artistas Colaboradores
    Coreografia Geral: Vanilton Lakka
    Performers: Vanilton Lakka, Claudio H. Oliveira, Lucas Dilan, Nádia Yoshi e Samuel Giacomelli

    Trilha Sonora: Fernando Prado
    Programador Visual: Eduardo Bernardt
    Produtor: Marcelo Santos / Vialakka

Categorias: Leia Também

Deixe uma réplica

Seu email não pode ser publicado.