Empresa de Uberlândia-MG expande negócios no exterior e duplica faturamento

Uberlândia, março de 2018 – Na contramão da crise econômica vivenciada no Brasil, a empresa uberlandense, Landix Sistemas, que é membro da i9 Uberlândia, associação das empresas de inovação e tecnologia de Uberlândia-MG, chega à maioridade celebrando o sucesso da expansão dos negócios para fora do país. Há dois anos, a organização, que conta com mão de obra totalmente local, opera na Tailândia e tem projetos em execução no Chile e Argentina e programa, ainda, projetos verticais para serem executados em toda a América Latina, até o final de 2018.

Com a duplicação do faturamento em três anos, e um crescimento anual de 25%, a empresa que, há 18 anos, iniciou as atividades desenvolvendo soluções específicas para a Coca Cola Company, conseguiu ultrapassar as fronteiras do país, com produtos e preços competitivos e excelente qualidade técnica. “Nós criamos soluções de automação de força de vendas. Os vendedores tiram pedidos através do sistema e nós conseguimos auxiliando no desdobramento da estratégia da Coca Cola para cada vendedor praticar no respectivo ponto de venda em que atua, de forma rápida e eficaz”, explica a CEO da empresa, Anna Paula Graboski.

Atualmente, a Landix tem mais de 250 clientes espalhados por todo o país, desde pequenas a grandes companhias que atuam nos setores: atacado, distribuição e indústria de bens de consumo. Com o foco em automação de processos externos, a organização oferece soluções para aprimoramento do trabalho da equipe de vendas no campo, reduzindo os processos burocráticos e facilitando os negócios.

Desenvolvimento com foco local

Com a expansão para o exterior, a empresa teve que investir no quadro técnico e ampliar o número de funcionários. “Nós tivemos que contratar pessoas que falam outras línguas e que estavam preparadas para viagens internacionais, por exemplo. Com muito orgulho, nós contratamos somente profissionais de Uberlândia. Essa é uma das premissas da Landix, pois valorizamos a capacidade técnica da nossa cidade, que hoje vem se tornando referência em inovação e tecnologia”, comenta Graboski.

Atualmente, a empresa conta com 80 funcionários e, segundo a CEO, em breve esse quadro aumentará. “Nós estamos com outros projetos vindos por aí. Lançaremos, em breve, novos produtos. Novas ferramentas estão sendo criadas para execução de mercado, ordem de serviço, etc. que possam controlar as tarefas que são feitas fora do escritório de forma centralizada. Então, a ideia é crescer bastante nos próximos anos”, adiantou Anna Paula.

Futuro

De acordo com o gerente comercial, Lucas Graboski, a meta da Landix é duplicar a receita, nos próximos dois anos. “É uma meta agressiva, porém possível de ser cumprida, tendo em vista o desempenho que a empresa tem registrado no momento de crise pelo qual passa o Brasil. Nós fechamos todos os anos em positivo, gerando contratações, aumentando a quantidade de clientes, sem demissões. Isso nos deixa muito motivados”, informa.

Questionada sobre a receita de todo esse sucesso, a CEO Anna Paula confidencia: “Nós trabalhamos com alegria e amor pelo que fazemos. Ver o nosso trabalho gerar empregos, os funcionários motivados e satisfeitos, mais desafios chegando por meio das demandas dos clientes nos fazem correr atrás dos bons resultados e projetar o melhor para a Landix. O mundo está mudando muito rápido, muita coisa está acontecendo, estive no Vale do Silício, recentemente, fazendo o curso da Singularity University e isso abriu muito a minha cabeça. A nossa empresa precisa se reinventar e começar pensar mais no futuro, ser mais ágil e flexibilizar mais os processos”.

 

Números da Landix Sistemas

  • 18 anos no mercado
  • 80 funcionários
  • 25% – crescimento ao ano

Categorias: BLOG,Leia Também

Deixe uma réplica

Seu email não pode ser publicado.