Dicas para potencializar a carreira!

Nunca se falou tanto em resiliência, positividade, alta performance e foco como agora. Essas características segundo a coach, Hérica Santos, sustentam o profissional, diante de intempéries provocadas pelos sistemas econômico e político.

 

Para que o profissional mantenha valor no mercado a coach dá uma série de dicas de atitudes que podem fazer a diferença neste momento de insegurança. Uma delas é ter mais foco e menos preocupação. “Não adianta desesperar, o mais importante é priorizar tarefas e estar disposto a colaborar no que for possível para ajudar a empresa e isso envolve colaborar com a redução de gastos e propor soluções novas”.

 

Hérica explica que quando o cenário não está bom, geralmente a rádio peão entra em cena. O ideal é evitar reclamar e sair ventilando boatos de que a empresa está mal, está para quebrar ou vai demitir. “Fofocas não levam a lugar nenhum. A dica é reagir, adaptar-se às mudanças e exigências atuais”.

 

Para manter o equilíbrio, outro conselho oportuno é aprender a poupar. “Gastar tudo o que ganha é um passo em falso e pode afetar o desempenho do profissional. Também não é o momento para pedir aumento de salário, haja vista que a maré não está boa pra ninguém. Faça sempre o melhor e invista na carreira. É importante investir em atualização, qualificação e aperfeiçoamento, buscando cursos de idiomas, especializações e MBAs e se relacionar bem com equipe”.

 

Com um mercado macro, Hérica orienta ficar atento aos modelos diferentes de carreira porque em momentos de crise surgem carreiras alternativas. “Ficar de olho aberto se há outros nichos, como terceirização, prestação de serviços, consultoria, free lancer estão em alta e esteja preparado para mudar. Quando ambientes corporativos encolhem, as demissões geram novas vagas para perfis profissionais e áreas de controle de processos, financeira e tributária tornam-se imprescindíveis, por exemplo”, conclui Hérica.

Categorias: Destaque,Leia Também

Deixe uma réplica

Seu email não pode ser publicado.