As temperaturas amenas do verão londrino vão ser elevadas às alturas entre cinco e 15 de agosto, quando a Cia de Dança Balé de Rua apresenta na cidade inglesa o brasileiríssimo espetáculo “Baila Brazil”. Na terceira temporada da companhia uberlandense em Londres, os dançarinos vão se apresentar no Royal Festival Hall, teatro com capacidade para

As temperaturas amenas do verão londrino vão ser elevadas às alturas entre cinco e 15 de agosto, quando a Cia de Dança Balé de Rua apresenta na cidade inglesa o brasileiríssimo espetáculo “Baila Brazil”. Na terceira temporada da companhia uberlandense em Londres, os dançarinos vão se apresentar no Royal Festival Hall, teatro com capacidade para 2,9 mil pessoas. O grupo embarca neste domingo (2), para cumprir uma agenda que envolve ainda workshops e intercâmbio cultural.

O espetáculo estreou em janeiro, em uma temporada com ingressos esgotados no tradicional teatro australiano, Sydney Opera House, que tem capacidade para 2,2 mil pessoas. A montagem foi baseada na música brasileira, uma demanda do público dos 12 países por onde já passou a companhia, segundo o diretor artístico da Balé de Rua, Marco Antônio Garcia. Por isso, além de se alternarem entre coreografias e percussão, os 14 bailarinos que dança “Balia Brazil” são acompanhados pelos músicos Rayne Vitorino no teclado, Eduardo José Deolindo no contrabaixo, Luiz Ricardo Ferreira no violão e cavaquinho e Alexia Falcão nos vocais.

O convite para a temporada londrina veio durante as apresentações na Austrália, segundo o diretor da companhia, Fernando Nardushi. “Na nossa última temporada fora do país, conhecemos um produtor inglês que se interessou muito pelo espetáculo e nos fez o convite”, disse Nardushi. Além de 11 apresentações no Royal Festival Hall, incluindo uma matinê, a companhia vai ministrar três workshops e realizar um intercâmbio com o grupo multicultural Kinética, residente do South Bank Centre, centro cultural ao qual o teatro está vinculado.

A expectativa dos londrinos é tanta, que o jornalista inglês David Jays veio a Uberlândia para acompanhar a rotina dos dançarinos da Balé de Rua. Além de atuar no periódico “Sunday Times”, ele é correspondente da revista “Dance Gazzete”, publicação ligada à tradicional Royal Academy of Dance. “David ficou na cidade por cinco dias, entre 20 e 24 de julho, e tivemos o prazer de apresentá-la a ele. Visitamos, principalmente, os espaços culturais, como a Oficina Cultural, além da Universidade Federal de Uberlândia (UFU)”, afirmou Nardushi.

Esta não é a primeira vez que a Cia de Dança Balé de Rua atrai a curiosidade da imprensa internacional. Além de divulgar Minas Gerais e o Brasil em veículos de comunicação mundo afora, o grupo já recebeu jornalistas da França, Suíça e Alemanha em Uberlândia. Até o momento, pelo menos cinco veículos londrinos já noticiam a apresentação de “Baila Brazil” no país, entre eles, a revista do TNT Magazine e o blog Dance Direct.

SERVIÇO

O espetáculo “Baila Brazil”, da Cia de Dança Balé de Rua, vai ser encenado, entre 5 e 15 de agosto, no Royal Festival Hall, em Londres, Inglaterra. O teatro fica no espaço cultural Southbank Centre – Belvedere Rd, London SE1 8XX, Reino Unido. Mais informações por este link.

CONHEÇA A CIA

Confira o trailer de divulgação para esta temporada da Cia de Dança Balé de Rua de Uberlândia.

Casa de Invenções

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
1
Contato apenas para orçamentos.
Contato apenas para orçamentos.