Aprenda escolher o tênis correto!

por Marina Caixeta ( via Kompleta )

Você está apressado para ir à academia. Rapidamente, pega o primeiro tênis que vê. Na esteira, enquanto corre, começa a sentir dores nos pés e só então percebe que o calçado escolhido não era o ideal, então, abandona a atividade e volta para casa. Esta situação é comum e também há pessoas que propositalmente escolhem um produto inadequado simplesmente porque ele é bonito ou por falta de instrução.

 

Não apenas para a atividade física, mas, a escolha do calçado certo também deve acontecer com a finalidade de uso para o trabalho, lazer e qualquer outro momento. Sapatos desajustados podem causar joanetes, calosidades, deformidades, fascites (inflamações nos nervos), fraturas de estresse, entre outros problemas.

 

Cada pessoa tem o pé em um formato diferente, por isso, cada um tem necessidades distintas. Assim, os sapatos que funcionam para um, podem não ser os certos para outro. Então, pegar emprestado pode não ser uma boa ideia.

 

O médico Marcelo Bueno, ortopedista do Instituto Integrado de Ortopedia e Traumatologia do Triângulo Mineiro, preparou 10 dicas para fazer boas escolhas na compra de calçados:

 

  1. Meça os pés. O tamanho e a forma deles podem mudar ao longo do tempo, portanto, não se deve confiar no fato de que você sempre usa um determinado número.

 

  1. A maioria das pessoas tem um pé maior do que o outro, por isso, experimente sempre o sapato direito e o esquerdo.

 

  1. Prefira fazer a compra no fim do dia, quando os pés estão maiores devido ao inchaço que acontece desde o período da manhã até o final da tarde. Assim, o calçado que ficar confortável enquanto o pé está maior, também ficará quando ele estiver normal.

 

  1. Assim como roupas, o tamanho marcado dentro do sapato pode variar dependendo da marca. Portanto, o seu tamanho do sapato é apenas um ponto de partida para selecionar corretamente.

 

  1. Olhar para a forma do sapato: ele deve se parecer com a forma do seu pé.

 

  1. Não existem sapatos que se alargam/crescem ao longo do tempo: eles devem se encaixar bem quando você comprá-los. Muitos vendedores querem fazer a venda de um calçado que ficou apertado e, para isto, fazem aquela velha promessa de que ele irá lacear.

 

  1. A bola do seu pé (a parte mais larga pouco antes de começar os dedos) deve caber confortavelmente na parte mais larga do sapato.

 

  1. O sapato deve ter profundidade suficiente para caber os dedos dos pés. Caso contrário, poderá causar atrito e você vai ter calos ou feridas.

 

  1. Fique de pé e caminhe nos sapatos para ver se eles são confortáveis, se encaixam bem e se não esfregam em algum lugar. Seu calcanhar não deve escorregar ou descolar durante a caminhada.

 

  1. Compre sapatos que são voltados para a atividade que você quer fazer. Por exemplo, o tênis de corrida é projetado especialmente para proporcionar o amortecimento adequado no calcanhar e a flexibilidade nos dedos dos pés que os atletas precisam; o tênis de basquete é destinado para este esporte e pode não ser a melhor escolha para fazer caminhada; tênis de ciclismo são mais rígidos para ajudar a pedalar de forma mais eficiente, mas, não funcionam bem para a maioria das outras atividades.

 

O segredo está em jamais sacrificar o conforto e a segurança em função da moda. Será bom para a saúde dos pés a curto, médio e longo prazo. E, mesmo depois de encontrar os sapatos certos, é imprescindível lembrar de que eles vão se desgastar com o tempo e precisam ser substituídos, normalmente a cada seis meses a um ano de uso regular.

Categorias: Destaque

Deixe uma réplica

Seu email não pode ser publicado.